Arte e Fotografia no Brasil: A Questão do Retrato

O Museu Victor Meirelles promove nos dias 23, 24 e 25 de novembro de 2005, das 14h às 17h, em continuidade ao III Ciclo de História da Arte Brasileira, o curso “Arte e Fotografia no Brasil: A Questão do Retrato”, ministrado pela historiadora e crítica de arte Annateresa Fabris.

O curso propõe-se a analisar a problemática do retrato fotográfico, não pelo prisma da mimese e, sim, pela idéia de uma construção artificial, até mesmo ficcional. Para entender os modos de atuação dos artistas contemporâneos em relação a essa prática será analisada, a princípio, a concepção de retrato fotográfico no século XIX, caracterizada por duas estratégias principais: identidade e identificação. A primeira refere-se à configuração da identidade burguesa, que se inspira nos modelos pictóricos para construir uma imagem positiva de si. A segunda deriva do processo de recenseamento global da sociedade, sob forma de retrato judicial e retrato de identidade. As obras associadas à problemática do retrato, de alguns artistas brasileiros contemporâneos, serão analisadas à luz da reativação crítica das estratégias oitocentistas. No eixo da identidade serão analisadas propostas de Rubens Mano, Cristina Guerra e Niura Ribeiro. No da identificação o foco recairá em trabalhos de Rosângela Rennó, Cristina Guerra e Alex Flemming.

Sobre a ministrante:

Annateresa Fabris é doutora em Artes com a tese Futurismo: Uma Poética da Modernidade, na Universidade de São Paulo. Desenvolveu sua carreira docente entre 1972 e 1996 na Universidade de São Paulo. Atualmente desenvolve pesquisas na área de História da Arte e é professora do Programa de Pós-Graduação em Artes da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo.

É autora de publicações referenciais como: Futurismo: Uma Poética da Modernidade (1987), Futurismo e Cubismo no Brasil (1999), Fragmentos Urbanos: Representações Culturais (2000), Identidades Virtuais: Uma Leitura do Retrato Fotográfico (2004).

Em 1995 recebeu o Prêmio Jabuti de Ciências Humanas por O Futurismo Paulista e, em 1997, o Prêmio Sérgio Milliet, da Associação Brasileira de Críticos de Arte, por Cândido Portinari.

arte e foto

Esta atividade faz parte da programação do Projeto Agenda Cultural 2005 que conta com o patrocínio da Caixa Econômica Federal, através da Lei Municipal de Incentivo a Cultura.

Pré-inscrição até o dia 16 de novembro de 2005:

A oficina é gratuita, mas as vagas são limitadas.
Para a pré-inscrição é necessário encaminhar os seguintes dados para:
Museu Victor Meirelles
Rua Victor Meirelles, 59, Centro – Florianópolis-SC

ou através do email: museu.victor.meirelles@iphan.gov.br

Nome:
Email:
Telefone:
Formação:
Atuação profissional:
Instituição:
Por que deseja participar da oficina?
Já participou de outras atividades no Museu Victor Meirelles? Quais?

Deixe seu comentário

COMENTÁRIO
  1. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days