Assim Hassis

O Museu Victor Meirelles, em parceria com a Fundação Hassis, abre as suas portas para também se integrar às homenagens ao artista, através do projeto Assim Hassis, e convida para a abertura da mostra “Diálogos com a Desterro” que ocorrerá no dia 04 de abril de 2006, às 19h.

Além da mostra o Museu Victor Meirelles programou também, para os dias 5, 6 e 7 de abril, uma série de atividades especiais em homenagem a Hiedy de Assis Corrêa, o Hassis, que começa com um ciclo de debates sobre a sua vida e obra, dividido em três módulos, e se encerra com uma mostra de filmes realizados por ele nas décadas de 60 e 70, intitulada Cinema Hassis.

Abaixo, a programação detalhada:

Hassis, sem titulo, 1974, acrilica sobre eucatex, 44,3 x 60,7 cm

Hassis, sem titulo, 1974, acrilica sobre eucatex, 44,3 x 60,7 cm

DIÁLOGOS COM A DESTERRO
04 a 15 de abril
Abertura: 04 de abril, às 19h
Encontro com Fernando C. Boppré e Ana Lúcia Vilela, curadores do Projeto Assim Hassis, às 18h

A exposição “Diálogos com a Desterro”, projeto desenvolvido pelo Museu Victor Meirelles desde maio de 2005, propõe nesta quarta edição o embate entre obra “Vista do Desterro, atual Florianópolis”, de Victor Meirelles e a obra de Hassis “sem título”, de 1974. O Projeto busca apresentar duas diferentes representações da paisagem da cidade de Florianópolis.
Segundo Fernando C. Boppré e Ana Lúcia Vilela, “é uma oportunidade de colocar lado a lado duas perspectivas visuais sobre o ambiente ilhéu. A famosa paisagem de Victor Meirelles entra em diálogo com uma paisagem já abstraída de Hassis. Pode-se perceber parte da história da arte florianopolitana no hiato de tempo entre eles”, afirmam.

CURSO “SEMANA HASSIS”
05, 06 e 07 de abril, das 16h às 19h
Ciclo de discussões sobre a vida e obra do artista Hassis, dividido em três módulos que buscam apresentar e refletir sobre uma parcela significativa da produção plástica de Hiedy de Assis Corrêa

05/04 – Olhares Históricos
com: Ana Lucia Vilela (historiadora de arte), Néri Pedroso (jornalista) e Henrique L. P. Oliveira (historiador).
06/04 – Interfaces Contemporâneas
com: Crica Gadotti e Fé Luz (artistas), Fernando Lindote (artista) e Rosângela Cherem (historiadora).
07/04 – Hassis e o Cinema
com: Ricardo Weschenfelder (cineasta), Karen Christine Rechia (historiadora) e Zeca Pires (cineasta).

hassis1

CINEMA HASSIS
05, 06 e 07 de abril, das 20h às 21h30
curadoria de Marco Martins

Uma das maiores surpresas reservadas na mostra ASSIM HASSIS, é a mostra CINEMA HASSIS. Os filmes realizados por Hassis em película 8mm e em Super 8, nas décadas de 1960 e 70, serão exibidos a partir da curadoria realizada pelo cineasta Marco Martins.
Segundo o coordenador geral do Projeto, Fernando C. Boppré, “a mostra de filmes é fundamental. As pessoas conhecem as pinturas e os desenhos de Hassis. Agora, queremos ampliar essa dimensão, colocá-lo em diálogo com o cinema, com a fotografia, enfim, com os diversos campos visuais que ele explorou”. Ele explica que “isso era difícil até então. Os filmes estavam em película, cujo estado de conservação inviabilizava sua projeção. Com a realização do documentário de Marco Martins e Ricardo Weschenfelder, os filmes foram telecinados e agora temos cópias em VHS, DVD e em Mini-DV”.
Marco Martins e Ricardo Weschenfelder realizaram, no ano de 2004, o documentário “Hassis: um Autoretrato Imaginado, uma Autobiografia Inventada”, a partir de uma intensa pesquisa nos rolos de filmes deixados por Hassis. Dando continuidade ao trabalho, Marco Martins preparou a seleção de filmes para esta mostra: “A curadoria é conseqüência do trabalho que eu e o Ricardo começamos com o documentário”, diz.

hassis2

Programação:

05/04 – Quarta
1) Ano 66 (Retalhos) – 1966 – 26’
2) Ontemanhã – 1972 – 15’
3) Itaguaçu – 1978 – 5’

06/04 – Quinta
1) Batucada – 1970 – 4’30’’
2) Dança Boi – 1976 – 6’
3) Mãos – 1979 – 3’
4) Fpolis Era – 1978 – 8’40’’

07/04 – Sexta:
1) Hassis – Um AutoRetrato Imaginado, uma autobiografia Inventada – de Marco Martins e Ricardo Weschenfelder – 2005 – 32´

O Projeto ASSIM HASSIS é uma realização da Fundação Hassis e conta com o patrocínio da PETROBRAS e do BADESC, além do apoio do SESC, do Colégio Autonomia e da Color System.
As atividades no Museu Victor Meirelles, em parceria com a Fundação Hassis, fazem parte da programação do Projeto Agenda Cultural, que conta com o apoio da Lei Municipal de Incentivo a Cultura e o patrocínio da Caixa Econômica Federal.

Projeto ASSIM HASSIS
MOSTRA COMEMORATIVA DOS 80 ANOS DO NASCIMENTO DO ARTISTA
Site com informações sobre todo o evento:
www.fundacaohassis.org.br/assimhassis

Deixe seu comentário

COMENTÁRIO
  1. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days