Expografia de arte: História e conceitos

Esta oficina visa apresentar um panorama histórico dos espaços destinados à exibição de obras de arte, bem como dos conceitos que justificam os diferentes modos de expor a partir do Renascimento. Pretende-se mostrar que a concepção de espaço em geral, e de espaço expositivo em particular, é historicamente determinada e que por meio da expografia pode-se identificar aspectos importantes do conceito de arte de uma determinada época e avaliar alguns de seus desdobramentos sociais.

Programa: 

  1. Do colecionismo ao museu: do espaço privado ao espaço público da arte
  2. As concepções expositivas das vanguardas históricas
  3. A expografia do modernismo: o conceito de cubo branco
  4. As mudanças no estatuto da obra de arte e seus desdobramentos espaciais na arte contemporânea

Sobre a ministrante: 
Helouise Costa é docente e curadora do Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo, onde atua desde novembro de 1993. Mestre pela ECA-USP e doutora pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da mesma Universidade, ministra disciplinas nas áreas de fotografia, museologia e arte contemporânea em cursos de graduação e pós-graduação. Foi curadora de diversas exposições, entre elas “Imagens aprisionadas – a foto/objeto em Farnese de Andrade” (2000) e “Waldemar Cordeiro e a fotografia” (2002), ambas resultantes de pesquisa realizada com patrocínio da Bolsa Vitae de Artes. Publicou, entre outros livros, “Sem medo da vertigem – Rafael França” (São Paulo: Marca D’Água, 1997), “Waldemar Cordeiro: a ruptura como metáfora” (São Paulo: CosacNaify, 2002) e “A fotografia moderna no Brasil”(São Paulo: CosacNaify, 2004, em co-autoria com Renato Rodrigues). É membro da Intercom (Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares em Comunicação), do CBHA (Comitê Brasileiro de História da Arte), do Conselho Editorial da revista Studium do Instituto de Artes da Universidade de Campinas e do Conselho Deliberativo do MAC-USP. No ano de 2005 atuou como curadora convidada do Projeto Mezanino do Instituto Itaú Cultural, voltado para a divulgação do trabalho de jovens fotógrafos, para o qual curou três exposições.

Pré-inscrição até 07 de maio de 2006 [ vagas gratuitas mas limitadas ]
Encaminhar ficha de inscrição através do e-mail
museu.victor.meirelles@iphan.gov.br 
ou diretamente no Museu Victor Meirelles:
Rua Victor Meirelles, 59 Centro – Florianópolis

Ficha de inscrição:
Nome:
Telefone:
Email:
Formação:
Atuação Profissional / Instituição :
Por que deseja participar da oficina?
Já participou de outras atividades no Museu Victor Meirelles? Quais
Como você ficou sabendo desta oficina?

Deixe seu comentário

COMENTÁRIO
  1. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days