1ª SEMANA DE CONSERVAÇÃO DE BENS CULTURAIS DO MUSEU VITOR MEIRELLES

semanadeconservacao

Dias 15 a 18 de dezembro de 2008
das 14h às 18h

Local: auditório do Fecomercio na rua Felipe Schmidt, 785 – Edifício Haroldo Soares Glavan – térreo
Florianópolis – SC
Telefone: 3229 1000

OFICINAS TEÓRICAS: Perspectivas da Contemporaneidade

O Museu Victor Meirelles irá promover em dezembro a “Semana de Conservação de Bens Culturais”, composta por um conjunto de oficinas teóricas gratuitas que têm como objetivo principal oferecer oportunidades de reflexão e de formação sobre a preservação e a conservação do patrimônio cultural numa perspectiva contemporânea. Esta Semana será realizada no período de 15 a 18 de dezembro de 2008, das 14h às 18h e contará com a participação de autoridades em conservação e restauração da Espanha e do Brasil, com atuações destacadas e trabalhos reconhecidamente importantes.

PROGRAMAÇÃO:

Dia 15 de dezembro de 2008, das 14h às 18h
Oficina: Os métodos científicos aplicados a análises e estudos de bens culturais
Ministrante: Maria Dolores Gayo Garcia

Sobre a ministrante: licenciada em Ciências Químicas com especialização em Química Orgânica pela Universidade Complutense de Madrid. Vinculada desde 1985 ao Ministério da Cultura da Espanha trabalhou no Museu Nacional de Ciência e Tecnologia, no Instituto do Patrimônio Histórico Espanhol e desde 2004 é responsável pelo Laboratório de Análises do Departamento de Restauração do Museo Nacional del Prado. Especializada em técnicas de análises para o estudo de bens culturais como microscopia óptica, microscopia eletrônica (espectrometria por dispersão de energias de raios X e fluorescência de RX, cromatografia de gases), espectrometria de massas, cromatografia em capa fina, cromatografia líquida de alta resolução. Realizou cursos sobre diferentes materiais relacionados com a conservação e a restauração de bens culturais. Participou de congressos com diversos trabalhos, como “A zurita identificada nas pinturas murais nos afrescos de Goya”. É autora de diversas publicações sobre técnicas de análises aplicadas aos estudos de bens culturais, como “Análises químicas das obras de Goya da Fundação Lázaro Galdiano de Madri”.

Dia 16 de dezembro de 2008, das 14h às 18h
Oficina: Microclimas para obras bidimensionais
Ministrante: Franciza Toledo

Sobre a ministrante: Arquiteta/conservadora, graduada em Arquitetura pela Universidade Federal de Pernambuco com especialização em Conservação de Pinturas e Esculturas pelo Centro de Conservação e Restauração de Bens Culturais Móveis da Escola de Belas Artes da Universidade Federal de Minas Gerais (CECOR/EBA/UFMG), PhD em Conservação e Museologia, pelo Institute of Archaeology, University of London, onde desenvolveu tese sobre controle ambiental para museus. É referência na área por sua pesquisa sobre estratégias de conservação de acervos em museus quentes e úmidos bem como de sistemas alternativos de controle ambiental em condições tropicais. Através da Conservare, desenvolve projetos, artigos para importantes publicações nacionais e internacionais, participação em congressos, seminários e simpósios assim como a consultoria à projetos para diversas instituições públicas e privadas no Brasil e no Exterior.

Dia 17 de dezembro de 2008, das 14h às 18h
Oficina: O Departamento de Restauração do Museu Nacional Thyssen-Bornemisza: Novas tecnologias aplicadas a conservação, transporte de obras de arte, limpeza de pinturas e exposições temporárias
Ministrante: Ubaldo Sedano Espín.

Sobre o ministrante: graduado pela Escola Superior de Conservação e Restauração Madrid, Espanha, mestre em conservação preventiva e exposições pela UCM Faculdade de BBAA (Barcelona), é especialista em segurança de museus e edifícios de patrimônio histórico. Atuou como coordenador e professor nos Cursos de Mestrado em Museologia da Universidad de Valladolid (Fundación Carolina), do Centro de Estudios Universitários, CEU e Universidad de Granada; Do Curso de Mestrado em Conservação Preventiva (UCM) na Faculdade de Belas Artes. Foi também professor e coordenador do curso de Novas Tecnologias para conservação e transporte de obras de arte em Madri e Novas Tecnologias Aplicadas a Restauração e Conservação de Suportes Têxteis, na Faculdade de BBAA (Barcelona), entre outros. Realizou atividades como docente em Universidades da Espanha e em convênios em diferentes países como Equador, Peru e Argentina, para a formação de especialistas em diferentes campos da conservação. É autor de diversas publicações entre elas “Apuntes sobre La Restauración de las Meninas”, em 1986 e “Peter Paul Rubens: Restauration Treatment of two Master Paintings Tecnical Estudy (1609-1623)”, em 2005. Participou de congressos com diversos trabalhos na Europa e América Latina. Atualmente é Diretor do Departamento de Restauração do Museo Nacional Thyssen-Bornemisza do Ministério da Cultura da Espanha.

Dia 18 de dezembro de 2008, das 14h às 18h
Oficina: O Departamento de Restauração do Museu Nacional do Prado: Tratamentos de diferentes suportes modernos e antigos de pintura sobre tela ou madeira, escultura e papel
Ministrante: Pilar Sedano.

Sobre a ministrante: Diplomada pela Escola Superior de Restauração, Madrid, Espanha. Durante 15 anos realizou, no ICRBC, trabalhos de conservação e dirigiu projetos de restauração, como os tratamentos das obras de Berruguete, Juan Juanes, Zurbarán, Morales, entre outros. De 1990 até 2003 foi Diretora do Departamento de Conservação-Restauração do Museu Nacional Centro de Arte Reina Sofia, na Espanha, onde foi responsável pela implantação do Departamento. Realizou tratamentos de conservação e restauração em obras de artistas como Dalí, Picasso, Miró, Millares, Tapies, entre outros. É vice-presidente do ICOM – Grupo Espanhol, participando de inúmeros congressos nacionais e internacionais. Atuou como professora no mestrado de Museologia na Universidade Católica de Portugal (2005) e na organização do curso sobre tratamento de Suportes no Museu Nacional de Belas Artes de Havana (Cuba), em 2006, e em diversas outras instituições. Possui vários trabalhos publicados, artigos em catálogos de exposições e artigo sobre conservação preventiva em revistas. Realizou, ainda, diversos projetos de investigação como o estudo analítico, radiográfico e refletográfico dos materiais presentes na obra “Dalí Jovem” em colaboração com a Fundación Gala-Salvador Dalí, de Figueres, da obra de Oscar Dominguez, entre outros estudos sobre a deterioração biológica nas obras contemporâneas em colaboração com o Instituto de Patrimônio Histórico Espanhol. Desde 2003 é Diretora do Departamento de Restauração do Museo Nacional del Prado do Ministério da Cultura da Espanha.

______

Público-alvo: voltada para conservadores, restauradores, museólogos, estudantes de artes visuais, museologia, professores, educadores, artistas e ao público em geral interessado em artes, conservação e preservação do patrimônio cultural. Os certificados serão emitidos apenas para os inscritos que obtiverem 100% de freqüência nas oficinas.

Pré-inscrição até 09 de dezembro de 2008.

A oficina é gratuita, mas as vagas são limitadas. Interessados em participar devem encaminhar até o dia 09 de dezembro de 2008 seu pedido de inscrição com os dados abaixo para museu.victor.meirelles@iphan.gov.br.

Nome completo:
Telefone:
E-mail:
Formação:
Área de atuação profissional:
Instituição:
Por que tem interesse em participar desta oficina?
É membro da Associação de Amigos do Museu Victor Meirelles?

Pedimos aos inscritos que tiverem seu pedido de inscrição deferido e não puderem comparecer à oficina que avisem o quanto antes para que possamos disponibilizar as vagas para outros interessados.

Deixe seu comentário

COMENTÁRIO
  1. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days