Curso de Imersão: Michel Foucault

com Pedro de Souza (UFSC)

foucault_med

09, 16, 23 e 30 de setembro de 2009, das 9 às 12 horas.
Sala Multiuso do MVM

Em setembro de 2009, o Museu Victor Meirelles realizará a segunda edição do Curso de Imersão. O objetivo da atividade é o aprofundamento acerca de um pensador ou artista relevante para o universo das artes visuais. Desta vez, a obra de Michel Foucault (1926-1984) será o foco do curso ministrado pelo professor Pedro de Souza (CCE-UFSC). Sua tese de pós-doutorado, defendida em 2007 na École Normale Supérieur em Lyon, pesquisou a performance vocal nos ditos e escritos do pensador francês. O curso acontecerá nos dias 09, 16, 23 e 30 de setembro de 2009, das 9 às 12h.

O programa prevê uma abordagem do pensamento de Michel Foucault a partir de sua relação com o domínio das artes, sobretudo o das artes visuais. O ponto de partida será a análise de algumas regiões de seus ditos e escritos – prefácios, capítulos de livro, artigos, ensaios, entrevistas, etc – a relevância do universo das artes visuais para a elaboração de seu pensamento. Tratar-se-á de observar como Michel Foucault observava a arte de Velásquez, Manet, Magritte, entre outros, para dali retirar um savoir-faire, um modelo de ateliê de trabalho que permanentemente alimentava seu trabalho de escritura e pensamento.

Programa:

Primeiro encontro (9 de setembro, 9h)
Dispositivos de enunciação-sujeito, espaço, linguagem: Velásquez, Manet e Magritte no ato de representar.
Segundo encontro (16 de setembro, 9h)
A escritura pictorial em Michel Foucault: subtrair o sujeito e a obra, abstrair o discurso.
Terceiro encontro (23 de setembro, 9h)
A estética do pensamento em ato.
Quarto encontro (30 de setembro, 9h)
A vida como beleza possível e a ausência de obra: a inspiração cínica.

Bibliografia Básica para os encontros (será necessária a leitura prévia dos textos abaixo):

FOUCAULT, M. “Isto não é um cachimbo”. In Estética: literatura e pintura, Música e Cinema. Organização e seleção de textos Manoel Barros da Motta; Tradução Inês Autran Dourado Barbosa. Rio de Janeiro, Forense universitária, 2001 pp. 247-263

FOUCAULT, M. “A pintura Fotogênica”. In Estética: literatura e pintura, Música e Cinema. Organização e seleção de textos Manoel Barros da Motta; Tradução Inês Autran Dourado Barbosa. Rio de Janeiro, Forense universitária, 2001 pp. 346-355

FOUCAULT, M. “As damas de companhia”. In Estética: literatura e pintura, Música e Cinema. Organização e seleção de textos Manoel Barros da Motta; Tradução Inês Autran Dourado Barbosa. Rio de Janeiro, Forense universitária, 2001 pp. 194-209

FOUCAULT, M. “Sobre D. Byzantios”. In Estética: literatura e pintura, Música e Cinema. Organização e seleção de textos Manoel Barros da Motta; Tradução Inês Autran Dourado Barbosa. Rio de Janeiro, Forense universitária, 2001 pp. 326-328

FOUCAULT, M. “Pierre Boulez: a Tela Atravessada”. In Estética: literatura e pintura, Música e Cinema. Organização e seleção de textos Manoel Barros da Motta; Tradução Inês Autran Dourado Barbosa. Rio de Janeiro, Forense universitária, 2001 pp. 387-390

FOUCAULT, M. “As palavras e as imagens”. In arqueologia das ciências e história dos Sistemas do pensamento. Organização e seleção de textos Manoel Barros da Motta; Tradução Elisa Monteiro. Rio de Janeiro, Forense universitária, 2001 pp. 78-81

FOUCAULT, M. “Com o que sonham os filósofos”. In arqueologia das ciências e história dos Sistemas do pensamento. Organização e seleção de textos Manoel Barros da Motta; Tradução Elisa Monteiro. Rio de Janeiro, Forense universitária, 2001 pp. 296-298

Sobre o ministrante: 
Pedro de Souza possui graduação pela Universidade Metodista de São Paulo (1979), mestrado em Língua Portuguesa pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1987) e doutorado em Lingüística pela Universidade Estadual de Campinas (1993). Em 2007, realizou pós-doutorado na École Normale Supérieur, Lyon. Possui em andamento ainda o projeto sobre voz e subjetivação nas cantoras de rádio do final dos anos de 1950. Atualmente é professor da Universidade Federal de Santa Catarina. Tem experiência na área de Lingüística, com ênfase em Teoria e Análise Lingüística, Análise de Discurso, atuando principalmente nos seguintes temas: discurso, enunciação, subjetividade, seguindo a perspectiva de Michel Foucault. Nessa mesma linha temática, é orientador no Curso de Pós-Graduação em Literatura, na linha de pesquisa Textualidades Contemporãneas e Literatura e Memória. É bolsista de produtividade em pesquisa do Cnpq – Nível 2.

Pré-inscrição até 31 de agosto de 2009.

A oficina é gratuita e tem como público-alvo estudantes, historiadores, artistas visuais, professores, entre outros interessados. Serão 40 vagas disponibilizadas, respeitando o seguinte critério de seleção: 10 vagas para membros da Associação dos Amigos do MVM, 10 vagas para professores, 10 vagas para estudantes e 10 vagas para o público em geral. Interessados em participar devem encaminhar até o dia 31 de agosto de 2009 seu pedido de inscrição com os dados abaixo para museu.victor.meirelles@iphan.gov.br. O resultado da seleção será divulgado por e-mail até o dia 1º de setembro.

Nome completo:
Telefone:
E-mail:
Formação:
Área de atuação profissional:
Instituição:
É membro da Associação de Amigos do Museu Victor Meirelles? 
Por que tem interesse em participar desta oficina?

Pedimos aos inscritos que tiverem seu pedido de inscrição deferido e não puderem comparecer à oficina que avisem o quanto antes para que possamos disponibilizar as vagas para outros interessados.

————————————————
O quê: Curso de Imersão: Michel Foucault, com Pedro de Souza (UFSC)
Quando: 09, 16, 23 e 30 de setembro, carga horária de 12h/a distribuídas em quatro manhãs (certificados serão emitidos apenas para os inscritos que obtiverem 75% de freqüência no curso).
Quanto: Gratuita.

 

Deixe seu comentário

COMENTÁRIO
  1. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days