Poéticas Gravadas – Matrizes de Sentidos: gravura no Rio de Janeiro, anos 1950/60

Dias 16 e 17 de abril de 2009
Sala Multiuso do Museu Victor Meirelles
Das 14h às 18h

Alex Gama, sem título, 1990, xilogravura colorida, 61,5x56cm. Acervo Museu Victor Meirelles.

Alex Gama, sem título, 1990, xilogravura colorida, 61,5x56cm. Acervo Museu Victor Meirelles.

Em complementação à exposição “Gravuras”, que se encontra aberta ao público na sala de exposições temporárias até o dia 17 de abril, das 10 às 18h, o Museu Victor Meirelles oferecerá nos dias 16 e 17 de abril uma oficina teórica sobre o tema com a professora Maria Luisa Tavora, da Escola de Belas Artes (UFRJ). A oficina tem com objetivo apresentar e destacar a contribuição da gravura artística no quadro conceitual das manifestações e tendências da arte moderna no Brasil.

O programa prevê a apresentação e a análise da produção da gravura artística realizada nos anos 1950/60, no Rio de Janeiro, além de considerações sobre as condições históricas que favoreceram a ativação deste meio de expressão, entendido como elemento de criação nos termos da arte moderna. Será abordada ainda a discussão das questões artísticas que atravessaram esta produção, através da abordagem crítica de artistas e de obras significativas.

Programa:

1. Diálogo histórico:
• O pensamento moderno sobre a gravura: a obra e a ação dos pioneiros Oswald Goeldi, Lívio Abramo, Raimundo Cela, Carlos Oswald.
• A ativação da gravura nos anos 1950/1960: referências estéticas, o ensino como seu fundamento:
o 1951: o ateliê da Escola Nacional de Belas Artes: matriz expressionista.
o 1959: o ateliê livre do MAM-Rio: matriz francesa.
• O artista-gravador, a busca de um perfil: idéias do debate público no Jornal do Brasil (1957-1958); oportunidades e experimentações contemporâneas.

2. Diálogos poéticos:
• Geometrias experimentais: Lygia Pape e Rossine Perez.
• Entrelaçamento de subjetividades: Edith Behring e Fayga Ostrower.
• Figurações da abstração: Anna Bella Geiger e Anna Letycia.
• Faces outras do expressionismo: Isa Aderne, Newton Cavalcanti e Adir Botelho.

Sobre a ministrante: 
Maria Luisa Tavora (EBA/UFRJ). Historiadora da arte, com pesquisas sobre a arte brasileira do século XX, em especial a gravura artística, com artigos publicados sobre o assunto em diversas revistas especializadas. Co-organizadora da série “GRAVURA HOJE: depoimentos”, em três volumes (1995, 1996 e 1997), publicada pelo SESC do Rio de Janeiro. Doutora em História Social (História e Cultura) pelo IFCS/UFRJ, com pós-doutorado pela École des Hautes Études en Sciences Sociales/Paris. Mestre em História da Arte pela EBA/UFRJ; Professora de História da Arte na Escola de Belas Artes/EBA/UFRJ nos cursos de Graduação e no Programa de Pós-graduação em Artes Visuais, de cuja revista Arte & Ensaios é atualmente co-editora. Membro do Comitê Brasileiro de História da Arte/CBHA e da Associação Nacional de Pesquisadores em Artes Plásticas/ANPAP. Participa também da ABCA e AICA (Associações Brasileira e Internacional de Críticos de Arte). Pesquisadora do CNPq.

Pré-inscrição até 12 de abril de 2009.

A oficina é gratuita e tem como público-alvo estudantes, artistas visuais, professores, entre outros interessados. Serão 40 vagas disponibilizadas. Interessados em participar devem encaminhar até o dia 12 de abril de 2009 seu pedido de inscrição com os dados abaixo para museu.victor.meirelles@iphan.gov.br. O resultado da seleção será divulgado por e-mail até o dia 13 de abril.

Nome completo:
Telefone:
E-mail:
Formação:
Área de atuação profissional:
Instituição:
É membro da Associação de Amigos do Museu Victor Meirelles?
Por que tem interesse em participar desta oficina?

Pedimos aos inscritos que tiverem seu pedido de inscrição deferido e não puderem comparecer à oficina que avisem o quanto antes para que possamos disponibilizar as vagas para outros interessados. 
O quê: Oficina “POÉTICAS GRAVADAS – MATRIZES DE SENTIDOS: gravura no Rio de Janeiro, anos 1950/60”, com Maria Luisa Tavora (EBA/UFRJ)
Onde: Sala multiuso do Museu Victor Meirelles.
Quando: 16 e 17 de abril de 2009, carga horária de 08h/a distribuídas em duas tardes (certificados serão emitidos apenas para os inscritos que obtiverem 75% de freqüência na oficina).
Quanto: Gratuita.

Deixe seu comentário

COMENTÁRIO
  1. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days