Oficina teórica Moema nas artes: a construção de um mito da brasilidade com Alexander Miyoshi

Moema, Victor Meirelles de Lima, óleo sobre tela, 1866, 129 X 190 cm,  Acervo do Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand MASP

Moema, Victor Meirelles de Lima, óleo sobre tela, 1866, 129 X 190 cm,
Acervo do Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand MASP

Dias 23 e 24 de fevereiro de 2011

Sala Multiuso do Museu Victor Meirelles

19h às 22h

A cada ano o Museu Victor Meirelles oferece ao público uma programação especial pela passagem à data de falecimento do artista Victor Meirelles de Lima (22 de fevereiro de 1903). Dentre as atividades agendadas para este ano está a oficina teórica “Moema nas artes: a construção de um mito da brasilidade”, com o pesquisador e professor Alexander Miyoshi, que recentemente concluiu tese de doutorado sobre o assunto na Universidade de São Paulo (USP).

O objetivo da oficina, além de abordar apenas Moema e a versão de Meirelles, é compreender as inserções e repercussões dessa personagem em diferentes obras na literatura, na ópera e nas artes do Brasil, entre o século XIX e o início do XX onde parte significativa da pintura e da escultura seguiu a trilha literária. No Brasil, os indígenas constituíram um tema fundamental, retratados entre o idealismo e o realismo, alçados à condição de nobres ancestrais da nação. Sua representação deu-se em diferentes sentidos, resultando em um tema preferido dos artistas: o do selvagem como vítima, sacrificado em prol das alianças com os brancos. A mulher indígena, abandonada, constituiu-se em seu mais caro símbolo.

Programa:

1) Origem histórica e literária de Moema e a recriação do mito por Victor Meirelles;
2) Relação com o exotismo e o erotismo internacionais: Atala, Minnehaha, Ofélia e outras personagens;
3) Diferentes nativismos e incorporações da imagem do índio no nacionalismo brasileiro;
4) Versões de Moema feitas por Pedro Américo, Rodolpho Bernardelli e Pedro Bruno; o “confronto” com Paraguaçu, Pocahontas, Malinche, Iracema, Lindoia e outras indígenas.

Ministrante:

Alexander Gaiotto Miyoshi é doutor em história da arte com a tese “Moema é morta”, defendida em 2010 no IFCH Unicamp. O trabalho envolve arte e literatura do século XIX, centrando-se na obra de Victor Meirelles. Em 2007, concluiu o mestrado no mesmo Instituto, com dissertação sobre a arquitetura do Masp. Graduou-se em arquitetura e urbanismo na FAU-USP em 2000 e trabalhou como arquiteto até 2005. Foi secretário da Revista de História da Arte e Arqueologia da Unicamp entre 2007 e 2010. Publicou artigos em periódicos e lecionou história da arte e da arquitetura em diferentes instituições. Vem se dedicando ao estudo da arte, museologia e arquitetura no Brasil, entre os séculos XIX e XXI.

Pré-inscrição até 17 de fevereiro de 2011.

A oficina é gratuita e tem como público-alvo professores, pesquisadores, historiadores, artistas visuais, estudantes e o público geral. Serão 50 vagas disponibilizadas. O critério de seleção será a análise das respostas enviadas pelo candidato ao questionário que segue abaixo. O processo seletivo e os critérios adotados são de responsabilidade da equipe da Agenda Cultural do Museu Victor Meirelles. Interessados em participar devem encaminhar até o dia 17 de fevereiro de 2011 seu pedido de inscrição com os dados abaixo para museu.victor.meirelles@iphan.gov.br. O resultado da seleção será divulgado por e-mail até o dia 18 de fevereiro.

Nome completo:
Telefone:
E-mail:
Formação:
Área de atuação profissional:
Instituição:
É membro da Associação de Amigos do Museu Victor Meirelles?
Por que tem interesse em participar desta oficina?

Pedimos aos inscritos que tiverem seu pedido de inscrição deferido e não puderem comparecer à oficina que avisem o quanto antes para que possamos disponibilizar as vagas para outros interessados. Informamos que aqueles que não comparecerem à oficina após terem seus nomes inscritos não poderão frequentar outra oficina do Museu Victor Meirelles ao longo do ano de 2011, salvo justificativa comprovada da ausência.

O quê: Oficina de formação em História da Arte, com Luciane Garcez.
Onde: Sala multiuso do Museu Victor Meirelles.
Quando: 1º, 3, 8 e 10 de fevereiro de 2011, carga horária de 12h/a distribuídas em quatro noites das 19h às 22h (certificados serão emitidos apenas para os inscritos que obtiverem 75% de freqüência na oficina)..
Quanto: Gratuita.

Para saber mais sobre o museu, acesse o site: www.museuvictormeirelles.org.br

Caso não queira receber mais o informativo do museu, favor responder com assunto REMOVER.

Mais Informações:
Museu Victor Meirelles
Rua Victor Meirelles, 59 – Centro – Florianópolis
Fone / Fax : 32220692

Deixe seu comentário

COMENTÁRIO
  1. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days