Oficina de Stopmotion com Diego de Los Campos

Estão abertas as inscrições para a Oficina prática de Stop Motion no Museu Victor Meirelles.  O curso acontece em novembro, sempre às terças-feiras, nos dias 6, 13, 20 e 27 e será ministrado pelo artista Diego de Los Campos.  A oficina é gratuita e a disponibilidade é de 30 vagas para pessoas com idade mínima de 8 anos.  Para se inscrever os interessados devem enviar e-mail para mvm.ac@museus.gov.br ou ligar para 48 3222-0692.

Stop Motion é uma técnica que utiliza a disposição sequencial de fotografias de um mesmo objeto de modo a simular o seu movimento. Estas fotografias são chamadas de quadros e normalmente são tiradas de um mesmo ponto, fazendo com que o objeto sofra uma leve mudança de lugar, pois é isso que vai dar no espectador a ideia de movimento.

A história do Stop Motion remonta aos primórdios do cinema. O mágico e ilusionista francês George Mélies viu nesta arte uma ótima possibilidade para dar sequência aos seus truques misteriosos que encantavam a todos.

Ao longo do século XX a técnica foi sendo desenvolvida e aprimorada por diversos diretores de cinema e durante muito tempo foi a base para efeitos especiais em filmes com robôs e monstros, pois como ainda não existia toda esta tecnologia capaz de criar qualquer coisa a partir de um computador, os cineastas recorriam à movimentação quadro a quadro.

As aulas acontecem no horário da tarde, das 14 às 17 horas, e o aluno deve levar, se tiver, câmera fotográfica digital, tripé, pen drive e notebook.

O programa da Oficina de Stop Motion é o seguinte:

1º Dia: Pixelation – animação a partir de fotografias de pessoas.

2º Dia: Animação a partir de desenhar e apagar, desenhar e apagar.

3º Dia: Desenho com caixa de luz: de areia ou de sombras de objetos.

4º Dia: Animação a partir de algum material proposto pelo aluno.

cartaz diego

 

Deixe seu comentário

COMENTÁRIO
  1. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days