Dialética Binária de Diego de los Campos

Dialética Binária – Diego de los Campos escultura cinética – 20 x 35cm de base e 43cm de altura – 2017 papelão, madeira, cola quente, palito de madeira, impressão 3D, servo motors, arduino

Dialética Binária, Diego de los Campos, escultura cinética, 20 x 35 cm de base e 43 cm de altura, 2017, papelão, madeira, cola quente, palito de madeira, impressão 3D, servo motors, arduino

O Museu Victor Meirelles abre, na próxima quinta-feira, 22 de fevereiro, às 19 horas, a exposição Dialética Binária, de Diego de los Campos. Antes, às 18 horas, acontece o tradicional Encontro com o Artista, evento onde o expositor conversa com o público sobre as suas obras e trajetória.

Dialética Binária é composta de máscaras e bonecos, produzidos com materiais comuns, como madeira e papelão, que se articulam através do uso de pequenos motores. As obras realizam movimentos contínuos e aleatórios e algumas delas sugerem ao observador um surpreendente diálogo humanizado. “É da natureza humana humanizar o inerte e coisificar a vida”, explica Diego em seu texto curatorial.

A mostra faz parte da 7ª edição do projeto Memória em Trânsito, iniciativa que propõe estudar e divulgar as obras dos artistas catarinenses que integram o acervo do Museu Victor Meirelles. O objetivo é ampliar o entendimento da poética desses artistas, estimulando a elaboração de outros discursos, bem como produzindo e atualizando a documentação museológica referente ao artista na instituição.

Diego de los Campos é graduado pela Faculdade de Artes da Universidade da República, no Uruguai. Residindo desde 1999 no Brasil, expõe regularmente e participa de exposições de arte contemporânea com trabalhos em vídeo, animação, desenho e arte sonora. Entre 2010 e 2017 foi selecionado para expor em salões como o de Piracicaba, de Ribeirão Preto, Arte Pará, Xumucuís e Salão de Natal, entre outros. Em Santa Catarina realiza, em 2011, no Museu Victor Meirelles, a exposição Simpatia, com trabalhos em animação, fotografia e instalação cinética. Em 2016 expõe no Museu de Arte de Blumenau, na Sala Municipal Vecchietti, no Instituto Internacional Juarez Machado, no Museu de Arte e Santa Catarina, e na França, no L’espace AP, na cidade de Toulouse. Desde 2010, faz parte do Coletivo Artístico Nacasa onde trabalha e dá cursos de multimídia.

A exposição Dialética Binária, de Diego de los Campos, fica no Museu Victor Meirelles até 21 de abril de 2018. A entrada é gratuita.


Fotos da Exposição:


Dialética Binária
Exposição de Diego de los Campos
Abertura: 22 de fevereiro de 2018, às 19 horas
Conversa com o Artista: 22 de fevereiro de 2018, às 18 horas
Museu Victor Meirelles
Rua Rafael Bandeira, nº 41 – Centro – Florianópolis/SC
Tel.: 48  3222-0692

Deixe seu comentário

COMENTÁRIO
  1. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days